entidade promotora:

Engenho & Obra
 

Em que consiste, resumida e genericamente, o projecto “Ao Sul…”?
O objectivo geral do projecto consiste em informar a opinião pública portuguesa sobre as realidades económicas, sociais, culturais e ambientais dos países em desenvolvimento, sensibilizando-a para a necessidade de melhorar as condições de vida das populações.

 

O “Ao Sul…” é um projecto a curto, médio ou longo prazo?
O projecto que está em curso tem um calendário de actividades com duração de dois anos. Contudo, espera-se que o seu impacto se prolongue para além desse tempo, na medida em que se pretende que ganhe “vida própria” e seja catalisador de múltiplas iniciativas que concorram para os seus objectivos.

 

Em que tipo de acções concretas se traduz o projecto?
Estão previstas quatro actividades específicas para o projecto: (1) realização de um documentário na Província de Malange, em Angola, (2) criação de um sítio Internet que sirva de plataforma de todo o projecto, (3) realização de oito seminários sobre Educação para o Desenvolvimento e (4) concepção e realização de um Curso de Formação de Formadores na área da Educação e Desenvolvimento Sustentável, a ministrar em Lisboa, Porto e Coimbra.

 

Quem executa o projecto?
A Engenho & Obra (E&O) e a Acção para a Justiça e a Paz (AJPaz), ambas ONGD que trabalham para a causa do Desenvolvimento Sustentável, estabeleceram um Consórcio para a boa execução do projecto, para o qual garantiram a Parceria das Autoridades de Malange, em Angola.

 

Quem financia o projecto?
A E&O, a AJPaz, as Autoridades de Malange e o IPAD.

 

O que é a E&O?
A "Engenho & Obra" – Associação para o Desenvolvimento e Cooperação é uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento – ONGD, associação da sociedade civil, de direito privada e fins não lucrativos. Tem como missão melhorar a qualidade de vida das populações de países fragilizados, criando condições que permitam aumentar a sua autonomia através de projectos integrados de engenharia.

 

O que é a AJPaz?
A Acção para a Justiça e Paz – AJPaz – é uma associação que tem por objectivo construir uma Cultura de Paz, baseada no Respeito pelos Direitos de todas as Pessoas, na Democracia Paritária, Inclusiva e Participativa, na Justiça Cognitiva e Social e num Ambiente Saudável capaz de dar e preservar a Vida.

 

O projecto “Ao Sul…” admite voluntários?
Claro que sim! O voluntariado é um dos principais alicerces das Organizações da Sociedade Civil e nunca é demais para as necessidades que diariamente se apresentam a estas organizações. No caso específico deste projecto, o voluntariado será uma vertente de importância acrescida, não só durante os dois anos da sua duração formal, mas principalmente nas acções que se esperam vir a desenvolver em consequência do impacto da sua execução.

 

Novas ideias relacionadas com e projecto são bem-vindas pelos seus responsáveis?
Qualquer ideia que se relacione com os objectivos do projecto e conduza a um aumento do seu impacto, contribuindo para a melhoria das condições de vida das populações, são extremamente bem-vindas. Principalmente aquelas ideias que conduzam a projectos, por mais pequenos que possam parecer, que proporcionem uma autêntica autonomia das populações-alvo.

 

Como devo manifestar o meu interesse em contribuir para o projecto “Ao Sul…”?
Basta aceder ao menu “Contactos” e escrever um breve texto sobre o seu interesse ou para esclarecer qualquer dúvida ou, ainda, obter alguma informação adicional. Não hesite em contactar-nos. Prometemos ser rápidos na resposta.